História de Telheiras

Rondava o ano de 1996 quando as crianças de Telheiras escreveram:

“Um grupo de meninos da nossa escola – a escola 57 de Telheiras – tem andado a fazer o estudo do nosso bairro. Temos descoberto coisas interessantes sobre a aldeia rural de telheiras, cuja história temos gostado muito. Preparámos até algumas perguntas para trazermos a alguém responsável pela urbanização do bairro. Já recebemos na nossa escola o senhor arquitecto Pedro Vieira de Almeida que nos deu alguns esclarecimentos mas temos ainda muitas perguntas sem resposta. Será que o Senhor arquitecto Pita nos podia ajudar? Para já gostávamos de fazer um pedido: que a parte antiga de Telheiras seja protegida para nós podermos ter contacto com o passado real e ainda que a Quinta de Sant’Ana, onde trabalham a D.ª Amália e o Sr. José, seja transformada numa escola de jardinagem (na qual eles podiam ser professores). Por ali poderiam passar crianças, jovens e adultos deste bairro. Era bom que esta sugestão se tornasse realidade. Gostaríamos de receber o senhor arquitecto Pita na nossa escola. Um abraço dos amigos da Escola N.º 57 de Telheiras.”

Passados quinze anos esta questão volta a ser batalhada pela Associação de Residentes!

Anúncios
%d bloggers like this: